aprenda inglês com vídeos

1   2   3   4   5

WHAT MAKES MUSCLES GROW?

1 - Muscles. We have over 600 of them. They make up between 1/3 and 1/2 of our body weight, and along with connective tissue, they bind us together, hold us up, and help us move.

2 - And whether or not body building is your hobby, muscles need your constant attention because the way you treat them on a daily basis determines whether they will wither or grow.

3 - Say you're standing in front of a door, ready to pull it open. Your brain and muscles are perfectly poised to help you achieve this goal. First, your brain sends a signal to motor neurons inside your arm.

4 - When they receive this message, they fire, causing muscles to contract and relax, which pull on the bones in your arm and generate the needed movement.

5 - The bigger the challenge becomes, the bigger the brain's signal grows, and the more motor units it rallies to help you achieve your task.

6 - But what if the door is made of solid iron? At this point, your arm muscles alone won't be able to generate enough tension to pull it open, so your brain appeals to other muscles for help.

7 - You plant your feet, tighten your belly, and tense your back, generating enough force to yank it open. Your nervous system has just leveraged the resources you already have, other muscles, to meet the demand.

8 - While all this is happening, your muscle fibers undergo another kind of cellular change. As you expose them to stress, they experience microscopic damage, which, in this context, is a good thing.

9 - In response, the injured cells release inflammatory molecules called cytokines that activate the immune system to repair the injury. This is when the muscle-building magic happens.

10 - The greater the damage to the muscle tissue, the more your body will need to repair itself. The resulting cycle of damage and repair eventually makes muscles bigger and stronger as they adapt to progressively greater demands.

11 - Since our bodies have already adapted to most everyday activities, those generally don't produce enough stress.

12 - So, to build new muscle, a process called hypertrophy, our cells need to be exposed to higher workloads than they are used to.

13 - In fact, if you don't continuously expose your muscles to some resistance, they will shrink, a process known as muscular atrophy.

14 - In contrast, exposing the muscle to a high-degree of tension, especially while the muscle is lengthening, also called an eccentric contraction, generates effective conditions for new growth.

15 - However, muscles rely on more than just activity to grow. Without proper nutrition, hormones, and rest, your body would never be able to repair damaged muscle fibers.

16 - Protein in our diet preserves muscle mass by providing the building blocks for new tissue in the form of amino acids.

17 - Adequate protein intake, along with naturally occurring hormones, like insulin-like growth factor and testosterone, help shift the body into a state where tissue is repaired and grown.

18 - This vital repair process mainly accurs when we're resting, specially at night while sleeping. Gender and age affect this repair mechanism, which is why young men with more testosterone have a leg up in the muscle building game.

19 - Genetic factors also play a role in one's ability to grow muscle. Some people have more robust immune reactions to muscle damage, and are better able to repair and replace damaged muscle fibers, increasing their muscle-building potential.

20 - The body responds to the demands you place on it. If you tear your muscles up eat right, rest and repeat, you'll create the conditions to make your muscles as big and strong as possible. It is with muscles as it is with life: Meaningful growth requires challenge and stress.

O QUE FAZ OS MÚSCULOS CRESCEREM?

1 - Músculos. Nós temos mais de 600 deles. Eles formam entre um terço e metade do nosso peso total e juntamente com tecido conjuntivo, eles nos sustentam, mantêm em pé e nos ajudam a nos mover.

2 - E seja ou não fisiculturismo o seu hobby, músculos necessitam de sua atenção constante, porque a maneira como você os trata no dia a dia determina se eles vão crescer ou atrofiar. abri-la.

3 - Seu cérebro e músculos estão perfeitamente preparados para te ajudar nesse objetivo. Primeiro, seu cérebro envia um sinal para os neurônios motores no seu braço.

4 - Quando recebem a mensagem, eles disparam, fazendo os músculos contraírem e relaxarem, o que puxa os ossos no seu braço e produz o movimento necessário.

5 - Quanto maior se torna o desafio, maiores serão os sinais do cérebro e mais unidades motoras ele agrupa para te ajudar a realizar a tarefa.

6 - Mas e se a porta for feita de ferro sólido? A esta altura, os seus músculos do braço sozinhos não serão capazes de gerar tensão suficiente para abri-la, então o seu cérebro pede ajuda a outros músculos.

7 - Você firma os seus pés, contrai o abdome e tensiona as costas, gerando força suficiente para puxar e abri-la. Seu sistema nervoso potencializou os recursos que você já tem, outros músculos, para atender à demanda.

8 - Enquanto tudo isso acontece, suas fibras musculares passam por um tipo de alteração celular. Ao serem expostos a tensão, eles sofrem danos microscópicos, o que, neste contexto, é uma coisa boa.

9 - Em resposta, as células feridas liberam moléculas inflamatórias chamadas citocinas, que ativam o sistema nervoso para reparar o dano. É aí a mágica de desenvolvimento muscular acontece.

10 - Quanto maior o dano ao tecido muscular, mais o corpo vai precisar se reparar. O ciclo resultante de danos e reparos eventualmente torna os músculos maiores e mais fortes conforme se adaptam a demandas progressivamente maiores.

11 - Como nossos corpos já se adaptaram à maioria das atividades do dia a dia, elas geralmente não produzem tensão suficiente para estimular novo crescimento muscular.

12 - Para fazer crescer novos músculos, algo chamado hipertrofia, nossas células precisam ser expostas a cargas maiores do que estão acostumadas.

13 - Se seus músculos não forem regularmente expostos a alguma resistência, eles vão encolher, um processo conhecido como atrofia muscular.

14 - Em contraste, expor o músculo a um alto nível de tensão, especialmente enquanto ele está esticando, algo chamado de contração excêntrica, produz condições eficazes para novo crescimento.

15 - No entanto, músculos dependem de mais do que apenas atividades para crescer. Sem nutrição apropriada, hormônios e descanso, seu corpo jamais seria capaz de reparar as fibras musculares danificadas.

16 - Proteínas em nossa dieta preservam massa muscular, proporcionando os componentes necessários para novos tecidos na forma de aminoácidos.

17 - O consumo adequado de proteínas, junto com hormônios que ocorrem naturalmente, como fator de crescimento semelhante à insulina e testosterona, ajuda a levar o corpo a um estado em que o tecido é reparado e desenvolvido.

18 - Esse processo vital ocorre principalmente quando estamos descansando, especialmente à noite, enquanto dormimos. Gênero e idade afetam o mecanismo de reparação, por isso homens jovens com mais testosterona têm uma vantagem no jogo de crescimento muscular.

19 - Fatores genéticos também têm um papel na capacidade de formar músculos. Algumas pessoas têm reações imunológicas mais robustas a danos musculares, e são mais capazes de reparar e repor fibras musculares danificadas, aumentando seus potenciais de crescimento muscular.

20 - O corpo responde às demandas que você impõe a ele. De você forçar seus músculos, comer corretamente, descansar e repetir, vai criar as condições para músculos maiores e o mais fortes possível. É assim com músculos, como na vida: crescimento significativo requer desafios e tensão.

MAIS VÍDEOS EM INGLÊS